Processos cognitivos para a escolha da avaliação na regulação do ensino

Autores/as

  • Francisco Miranda Gonçalves Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viana do Castelo; Centro de Estudos em Educação, Tecnologias e Saúde
  • Ricardo Lima Escola Superior de Desporto e Lazer do Instituto Politécnico de Viana do Castelo
  • Nuno Garrido Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real
  • Francisco Mendes Centro de Estudos em Educação, Tecnologias e Saúde; Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viseu
  • Antonio Pereira Centro de Estudos em Educação, Tecnologias e Saúde; Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viseu
  • Abel Figueiredo Centro de Estudos em Educação, Tecnologias e Saúde; Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viseu
  • Alberto Albuquerque Instituto Universitário da Maia

Palabras clave:

educação fí­sica, avaliação, aprendizagens, professores, alunos

Resumen

Resumo

A avaliação consiste na recolha, análise e reflexão de informações, num processo continuo, para um melhor desempenho do processo de aprendizagem dos alunos. O presente estudo teve como objetivos, conhecer até que ponto os professores do 3º ciclo e ensino secundário recorrem à avaliação formativa; e perceber a importância que os professores de Educação Fí­sica atribuem à avaliação formativa. Fizeram parte do estudo 71 professores dos ensinos básico e secundário, assim como 850 alunos, sendo 291 do 3º ciclo, 559 do ensino secundário. Por meio da análise dos dados, Avaliação Formativa=81.49±7.97 e Importância da Avaliação Formativa=86.60±8.07, verificou-se que os professores dão enfase à modalidade de avaliação formativa. Concluiu-se que se recorre à avaliação formativa nos processos de ensino e que se atribui grande importância à mesma por parte dos professores, realçando a necessidade da alteração das práticas por parte dos professores, bem como a sua formação contí­nua. Verificou-se que a Avaliação Sumativa tende a ser mais utilizada, para o processo de classificação, relativamente à Avaliação Formativa.

Abstract

The evaluation consists of collecting information for a better performance of the students' learning process. The present study had the following objectives: to know the extent to which the teachers of the secondary education resort to the formative evaluation; perceive the importance that physical education teachers attribute to formative evaluation. The study included 71 teachers from primary and secondary education, as well as 850 students, 291 from the 3rd cycle, 559 from secondary education. Through the analysis of the data, Formative Evaluation = 81.49 ± 7.97 and Importance of Formative Evaluation = 86.60 ± 8.07 it was verified that the teachers emphasize the modality of formative evaluation. It was concluded that it is used the formative evaluation in the teaching processes and that it is given great importance to the same by the teachers, emphasizing the necessity of the change of the practices by the teachers, as well as their continuous formation. It was verified that the classification of the Summative Evaluation tends to increase, relative to the Formative Evaluation.

Resumen

La evaluación consiste en la recolección, análisis y reflexión de la información, como un procedimiento continuo, para un mejor desempeño del proceso de aprendizaje de los alumnos. El presente estudio desarrolló los siguientes objetivos: conocer hasta que punto los profesores de tercer ciclo y de enseñanza secundaria recurren a la evaluación formativa y percibir la importancia que los profesores de Educación Fí­sica le atribuyen a la evaluación formativa. El estudio incluyó 71 profesores de primaria y secundaria, con un total de 850 estudiantes, 291 de primer a tercer ciclo, 559 de educación secundarí­a. A través del análisis de datos la evaluación formativa = 81.49 ± 7.97 y la importancia de la evaluación formative = 86.60 ± 8.07, se verificó que profesores que enfatizan la modalidad formativa en la evaluación. Se concluyó que se utiliza la evaluación formativa en los procesos de enseñanza y que los docentes le dan gran importancia al mismo, enfantizando la necesidad del cambio en las prácticas por parte de los docentes, así­ como su formación continua. Se verificó que la Evaluación Sumativa tiende a ser más utilizada, para el proceso de clasificación, en relación a la Evaluación Formativa.

Biografía del autor/a

Francisco Miranda Gonçalves, Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viana do Castelo; Centro de Estudos em Educação, Tecnologias e Saúde

Psicóloga Universidad de Chile

Mg. Psicologí­a Comunitaria Universidad de Chile

Docente Adjunta Escuela de Psicologí­a, Universidad Católica Silva Henrí­quez

Descargas

246 vistas

Publicado

2018-11-22

Cómo citar

Miranda Gonçalves, F., Lima, R., Garrido, N., Mendes, F., Pereira, A., Figueiredo, A., & Albuquerque, A. (2018). Processos cognitivos para a escolha da avaliação na regulação do ensino. Revista Sul-Americana De Psicologia, 6(1), 68–83. Recuperado a partir de https://ediciones.ucsh.cl/index.php/RSAP/article/view/1711